“Chega uma hora que a gente cansa de viver, porque o “viver” anda pesando demais. Os olhos vivem cansados também, porque lágrimas toda hor...


“Chega uma hora que a gente cansa de viver, porque o “viver” anda pesando demais. Os olhos vivem cansados também, porque lágrimas toda hora também fazem mal à vida. Bom, acho que essa minha hora chegou. Passo horas e horas pensando por qual motivo ainda estou aqui. Imagino minha morte, nada dolorosa pois de dor já me chega a vida. Penso em quem eu deixaria sofrendo, poucos, mas que me fazem tão bem.. quisera eu ser egoísta e não pensar neles na hora de partir. Já não vejo sentido em viver de lágrimas e dores, sorrisos falsos e desamores. Que há de bom nisso que eu ainda não descobri? Cadê o sentido do viver, do prosseguir? Será que se dissessem que eu havia, alguém choraria? Alguém, tipo você. As lembranças me tomam agora, as lágrimas embaçam minha visão. Que sentido faz agora, viver sem você aqui, não ter tua mão na minha mão. Pra onde foi meu sorriso, pra onde foi você? E se eu for embora pra sempre.. talvez seria melhor assim. Minhas lembranças iriam comigo? Ah meu Deus, a quem estou tentando enganar com esse sorriso falso todos os dias? Tantas perguntas, nenhuma resposta e uma vida quase no fim. Acho que é isso meu destino, sina ou talvez minha escolha.. a mais importante de todas.”
— Por que ainda estou aqui?

You Might Also Like

0 recadinhos

Solta o verbo meu jovem.

Flickr Images