“Olha, sei que não sou nem nunca serei a garota perfeita.. aquela dos teus sonhos, sabe? Também não sou nenhuma princesa, como você diz ou...


“Olha, sei que não sou nem nunca serei a garota perfeita.. aquela dos teus sonhos, sabe? Também não sou nenhuma princesa, como você diz ou me faz sentir. Quero agradecer por me fazer tão feliz, por me mostrar que a gente também nasce pra sorrir.. você não tem ideia de como mudou minha vida, de quanto eu gosto dessa nova vida. Realmente, nunca amei ninguém assim. Eu adoro dormir ao teu lado e ficar mexendo em teu cabelo enquanto dorme, ou pegando tua mão e repousando em meu rosto, não é confortável porém eu gosto de quando dorme em meu ombro, de quando me abraça mesmo dormindo. O tom em que diz meu nome é exatamente perfeito, e quando diz que me ama, posso sentir a sinceridade em teus olhos, e falando em teus olhos.. eles são meu céu, não preciso mais sair de teu lado, me perco no azul dos teus olhos e neles vejo nosso futuro, que me parece ser eterno. Teu sorriso é uma coisa maravilhosa de se ver, teu gargalhar é gostoso demais de ouvir. Teu cheiro, já sei de cor e salteado.. e mesmo assim, toda vez que sinto seu perfume invadindo meu ar.. me arrepio. Você me transformou completamente, eu nunca fui de demonstrar sentimentos a ninguém sabe? Ainda acho estranho quando me pego dizendo que te amo. Nunca fui uma pessoa “carinhosa” e agora teu nome já não costumo dizer, eu os substitui por apelidos que havia jurado nunca usar com ninguém. A tua pele chama minha boca e implora por beijos, mordidas.. ah, é meio que inevitável não te deixar algumas marcas sempre. Mas para tudo isso não parecer clichê demais, também digo. Tem dias que sinceramente, não quero lhe ver nem pintado de ouro, te acho a pessoa mais insuportável do mundo e meu único desejo é dar-te um murro na cara para que não sejas tão mimado assim.. mas aí me lembro que fui eu quem lhe mimei desta forma. Vou citar também, que odeio esse teu costume de “madrugar” e detesto mais ainda essa tua mania de achar que eu também devo acordar as oito ou nove da manhã. Tenho vontade de te esganar quando fica me fazendo cócegas ou sussurrando meu nome até eu acordar. Ou quando faz birra porque não quero ir jogar videogame contigo. Odeio quase tudo em você, mas mesmo com todo esse ódio.. só de pensar em me afastar de você eu perco o chão, sinto as pernas bambas e meus olhos se acabam em lágrimas, porque afinal, mesmo com tudo isso eu jamais conseguiria deixar de te amar.”
— Então.. acho que isso é amar 

You Might Also Like

0 recadinhos

Solta o verbo meu jovem.

Flickr Images