“Não sei, talvez você não saiba.. Você usava meus beijos e abraços pra se esconder da dor, nem se tocou que eu podia gostar? Pois é, eu go...


“Não sei, talvez você não saiba.. Você usava meus beijos e abraços pra se esconder da dor, nem se tocou que eu podia gostar? Pois é, eu gostei, bem mais que poderia.. mais do que eu devia. Eu estive ao seu lado quando ela te deixou, te dei meu colo pra tu chorar, noites acordada só cuidando de você. Não me arrependo de absolutamente nada, mas sabe, isso dói, você me usou.. Estar ao lado de alguém que nunca iria te magoar é bom, mas pelo jeito só até encontrar alguém melhor. Dói muito ser substituída. E olha, não guardo ressentimentos, quero que sejas feliz.. logo eu que sempre fui tão egoísta, agora abrindo mão de minha felicidade pra ver alguém feliz. Aproveite, não é sempre que isso acontece. Sim, eu estou bem.. destruída, acabada. Eu desmoronei, mas se você não for feliz por minha culpa eu sei que doerá bem mais então, apenas me deixe te fazer um pedido? Se lembre do abraço que lhe dei no dia em que ela te deixou, lembre-se do brilho que tinha meu olhar toda vez que eu te via, aquilo sim era sincero. Então, se não der certo com essa tua pequena, lembre-se que ainda que tu tenha me machucado, destruído meu coração.. ainda te amo com todos esses pedaços dele, serei tua pra sempre. Te amo apesar ou talvez por tudo.”
— Te amo, apesar ou talvez por tudo 

You Might Also Like

0 recadinhos

Solta o verbo meu jovem.

Flickr Images