É tão mais fácil escrever quando se sabe o que se sente. Felicidade apenas. As palavras não saem espremidas em meio a dor. As palavras não s...

É tão mais fácil escrever quando se sabe o que se sente. Felicidade apenas. As palavras não saem espremidas em meio a dor. As palavras não sufocam, não imploram para sair, apenas saem, apenas caem. Naturalmente, assim como a chuva, assim como o orvalho. Navegam em minha mente assim como o vento navega pelas árvores, dançando com suas folhas. São palavras doces como o mel e frescas como a água, palavras puras. Palavras que vem do coração, que vem de um sentimento bom, de uma pessoa que já sofreu demais. Mas que foi demasiadamente muito bem recompensada com uma grande dose de felicidade.

You Might Also Like

0 recadinhos

Solta o verbo meu jovem.

Flickr Images